ÚLTIMAS NOTÍCIAS

sexta-feira, 25 de maio de 2018

CONTROLE: Devido greve, Estado monitora cargas de remédios e insumos

O Estado já tinha anunciado que acompanha a greve dos caminhoneiros, que toma conta do país

Foto: PRF/Divulgação

Em meio à crise provocada pelo alto custo dos combustíveis, o Governo do Estado anunciou que monitora cargas e insumos de medicamentos por todo o Brasil, "para antever rupturas de estoque e/ou substituição de medicamentos por similares em estoque". O Estado já tinha anunciado que monitora a greve dos caminhoneiros, que toma conta do país. Além de monitorar as cargas, a gestão também anunciou outras medidas tomadas na área da Saúde. São elas: 

– desenvolvimento de plano de contingência com fornecedor de gases medicinais;

– uso hiperracional de combustíveis (com gestão da escala de viagens técnicas) e manutenção do abastecimento de combustível das ambulâncias do Samu e demais veículos do Sistema de Saúde Pública do Estado;

– manutenção de grupos geradores das unidades hospitalares e ambulatoriais em capacidade máxima de abastecimento;
– parceria com Departamento de Estadual de Rodovias (DER) para uso de rotas alternativas por todo o Estado.

Nas rodovias estaduais, o Governo anunciou reforço do contingente de policiais, especialmente nos locais onde há registro de bloqueio de pista, garantia do trânsito de ambulâncias, transporte escolar e afins, além de veículos particulares, nos pontos de bloqueio e implantação de esquema especial para garantia de abastecimento de viaturas, a fim de evitar prejuízos no policiamento das ruas. 

Mais cedo, o presidente Michel Temer anunciou uso das Forças Armadas para desbloquear as vias. Entretanto, segundo a jornalista Andréia Sadi, os militares temem não ter combustível para agir nas ruas. 

Fonte: CNews

Nenhum comentário: