ÚLTIMAS NOTÍCIAS

sexta-feira, 25 de maio de 2018

ESTADO DO CEARÁ: Violência no Ceará ultrapassa 2 mil assassinatos em 2018. Duas pessoas foram mortas em assaltos nesta sexta

Lilian Mara de Oliveira Mesquita, 36, foi morta na manhã de hoje quando embarcava num ônibus. Recebeu um tiro no rosto disparado por assaltantes na Avenida Francisco Sá, na Barra do Ceará
Segurança Francisco Mendes David, 51 anos, foi morto na madrugada de hoje na Rua Godofredo Oliveira, no Mondubim, por ladrões que roubaram seu celular 

Dezoito pessoas foram assassinadas nas últimas 24 horas em todo o estado do Ceará. Foram 16 casos de homicídios na quinta-feira (24) e dois latrocínios (roubos seguidos de morte) entre a madrugada e o começo da manhã de hoje. Com isso, o Ceará ultrapassa neste 25 de maio a marca de dois mil Crimes Violentos, Letais e Intencionais em menos de cinco meses completos de 2018. O número exato de pessoas assassinadas no estado neste ano é 2.016.

Nas últimas 24 horas, foram sete pessoas mortas em Fortaleza (cinco na quinta-feira e duas hoje), três na Região Metropolitana e mais oito no interior, sendo quatro no Norte e outras quatro no Sul.

Em Fortaleza, os sete crimes de morte das últimas 24 horas ocorreram nos seguintes bairros: Barra do Ceará (3 crimes), Papicu (2), Alto da Balança e Mondubim.

Na região Metropolitana de Fortaleza foram três crimes, sendo dois no Município de Caucaia e outro em Maranguape.

No Interior Norte, quatro assassinatos, sendo dois em Sobral, além de crimes em Boa Viagem e São Benedito. No Interior Sul, mais quatro pessoas mortas, sendo duas em Russas (duplo homicídio), Brejo Santo e Juazeiro do Norte.

Latrocínios

Duas pessoas foram mortas durante assaltos no começo desta sexta-feira (25). O primeiro crime ocorreu ainda na madrugada, por volta de 2h30, quando o segurança Francisco Mendes David de Oliveira, 41 anos, foi baleado e morto com um tiro no rosto ao reagir a um assalto na Rua Godofredo de Oliveira, no bairro Mondubim.

Já no começo da manhã, por volta de 6 horas, uma mulher identificada como Lilian Mara de Oliveira Mesquita, 36 anos, foi morta durante um assalto na Avenida Francisco Sá, na Barra do Ceará. Segundo apurou a Polícia, a vítima era funcionária de uma indústria farmacêutica e estava na porta de casa aguardando o transporte.


No momento em que o ônibus que transporta os funcionários da empresa parou em frente a residência de Lílian, surgiram dois assaltantes. Ela se assustou e tentou correr, mas recebeu um tiro à queima-roupa no rosto e caiu morta na calçada. Um dos assaltantes levou a bolsa e o celular da vítima. A dupla fugiu em uma moto em direção ao Gueto da Barra do Ceará.

Fonte: Jornalista Fernando Ribeiro

Nenhum comentário: